Desde 2016

Contacto: info@apdes.pt

Financiadores

  • CE

O projeto intervém junto de consumidores de drogas recém-libertados de estabelecimentos prisionais, apoiando intervenções que visam a sobrevivência e a prevenção de overdoses, a redução de riscos associados ao uso de drogas e o estabelecimento e continuidade de tratamento e cuidados, de forma a não serem interrompidos após a reclusão. Assim, promovem-se serviços de substituição opiácea, de formação sobre prevenção de overdoses e redução de riscos, de criação de materiais educativos e de apoio social. Este projeto consiste numa rede de parcerias a nível europeu e é financiado pelo programa da Direção-Geral de Migração e Assuntos Internos (Comissão Europeia).