2008 - 2012

Contacto: gis@apdes.pt

Financiadores

  • Ministério da Saúde
  • SICAD

O Arriscar foi cofinanciado pelo Instituto da Droga e da Toxicodependência, no âmbito do PORI, no eixo da Prevenção dos consumos de substâncias psicoativas, para as zonas de intervenção prioritária de Vila Nova de Gaia, freguesias de S. Pedro da Afurada e Santa Marinha.

O projeto teve primeiramente um período de intervenção de 2 anos, tendo sido aprovado para mais 2 anos. Dirigiu-se a jovens e famílias em situação de vulnerabilidade, tendo incluído ações como um fórum juvenil, tertúlias, oficinas de imagem, gabinete de apoio psicológico e programas de desenvolvimento de competências, de formação de educadores de pares e de intervenção junto de pais.